Revista OBSERVARE – Vol. 04 (Jul/Dez 2008)

APRESENTAÇÃO

O Observatório Interdisciplinar de Segurança Pública do Território lança o quarto número da Revista OBSERVARE.

As temáticas abordadas poderão enquadrar-se em áreas tão abrangentes como “Violência”, “Educação”, “Sociologia”, reunindo perspecitivas que auxiliam no estudo e na investigação.

A Publicação é fruto da cooperação entre os programas de Pós-graduação em Desenvolvimento Regional e Urbano – PPDRU; Pós-graduação em Administração Estratégica – PPGA, ambos da Universidade Salvador – UNIFACS; Centro de Recursos Humanos – CRH da Universidade Federal da Bahia – UFBA; e a Polícia Militar da Bahia – PMBA, com o apoio da FAPESB.

A Revista OBSERVARE foi criada, especificamente, para difundir o conhecimento científico multidisciplinar e interdisciplinar de segurança pública e do planejamento urbano e regional.

Convidamos todos a participar deste novo esforço de democratização do conhecimento nesta área tão sensível. Segurança é participação!

Prof. Doutor Carlos Alberto da Costa Gomes

SUMÁRIO

Escola e Violências. Miriam Abramovay

A escola é espaço de construção de saberes, de convivência e socialização. Segundo Delors (2001), é uma via capaz de conduzir a um desenvolvimento humano mais harmonioso, combater formas de pobreza, exclusão social, intolerâncias e opressões.

Download (PDF, 38KB)

Educação como base da segurança. Carlos Alberto da Costa Gomes

Educação como base da segurança. Na introdução são abordadas algumas das causas da insegurança de nossa sociedade. Em seguida se examina conceitualmente a violência em duas grandes categorias, a extrema e a material, apontando-se a situação do Brasil e Bahia em taxas de homicídios e de ocorrências por grupo de habitantes. Em seguida aborda-se o conceito de segurança cidadã e de educação para a cidadania como base para a segurança.

Download (PDF, 88KB)

Sociologia da delinqüência: A Iniciação do Jovem. Gey Espinheira

Recupero algumas análises que fizemos em nossa prática de intervenção social em que mesclamos pesquisa com ação social de arte educação com jovens e disciplinas acadêmicas do programa ACC – ações curriculares em comunidades, experiência da UFBA que demonstrou grande eficácia no contato direto da Universidade com as comunidades. A nossa experiência, de longa data, nos autoriza a fazer as considerações que logo desenvolveremos neste seminário que ocupa um importante espaço de discussão de um dos temas mais controversos, precisamente por se encontrar ou em uma encruzilhada de diversas passagens, ou em um redemunho a puxar para o fundo as impressões e sensações que o fenômeno…

(link do artigo)

EDITORIAL

A escola é fundamental para o aprendizado, tanto profissional como social. Através dela é que se adquire conhecimento e se se forma o cidadão, ou seja, a própria sociedade.

A educação é função da escola e seria uma continuação da educação familiar, mas, infelizmente, não é isso que acontece. A família modificou-se. O tempo de convívio reduziu-se prejudicando a educação no lar. Por outro lado a escola não evoluiu para esta nova realidade. Conflitos são enfrentados no cotidiano escolar, revelando um ambiente inseguro, conseqüência da violência instalada em toda a sociedade. A escola acaba projetando a realidade do contexto em que existe e torna-se incapaz de colocar em prática seu principal papel: o de transformadora da sociedade através da transformação dos indivíduos.

Em um ambiente considerado de conhecimento, de formação da cidadania e desenvolvimento dos indivíduos, a violência torna-se mais perniciosa.

Nesta edição, veremos através dos olhares distintos e argutos de Miriam Abramovay, socióloga, pesquisadora, coordenadora da pesquisa Convivência Escolar e Violências nas Escolas da RITLA (Rede de Informação Tecnológica Latino-Americana) e de Gey Espinheira (Carlos Geraldo D’Andrea Espinheira, Doutor em Sociologia, Professor do Departamento de Sociologia da UFBA) de que forma o espaço escolar tem contribuído para o problema e a iniciação do jovem na delinqüência. Ao final apresentamos algumas considerações sobre a educação como base da segurança.

Entre e fique à vontade.

Atenciosamente,

Costa Gomes

PUBLIQUE NA OBSERVARE

NORMAS DE EDITORAÇÃO

Os pesquisadores que estejam interessados em publicar na Revista Eletrônica Observare devem preparar seus originais seguindo as orientações abaixo, que serão observadas para recebimento e análise dos textos pelos pareceristas:

I – Entrega do Material
Os artigos deverão ter no máximo 20 (vinte) páginas com título, resumo e palavras-chave em português e outro idioma. O resumo deverá ser estruturado em um único parágrafo com no máximo 200 palavras. Deverão constar no final do artigo os dados referentes ao autor, tais como: titulação, sua atividade atual, instituição a que esteja vinculados, endereço comercial e residencial, telefones e correio eletrônico. Os artigos devem ser entregues da seguinte maneira:

  • Encaminhados para o endereço eletrônico: contato@observatorioseguranca.org

II – Apresentação Gráfica do Texto
1. Especificações
1.1. Papel, Espaço e Letras.
Tamanho do Papel – A4
Tamanho das Letras
Do corpo do trabalho – …12
Do título – ……………. ..16
De sub-títulos – …………14
Tipo de Letras – Times New Roman
Espaços: Entre linhas – 1,5
Superior – 3,0 cm
Inferior – 2,0 cm
Lateral Direita – 3,0 cm
Lateral Esquerda – 3,0 cm
2. Formatação
Þ O texto deve ser justificado.
Þ Nunca separar as sílabas para evitar desconfiguração do texto ao ser colocado em outro computador
Þ Usar somente a cor padrão do texto (preto)
Þ As páginas devem ser numeradas
3. Primeira Página do Texto
3.1. Título do Artigo
Centralizado na página a 3 cm da borda superior
3.2. Parágrafos
Cada parágrafo deve ter um recuo de 1 ,25 cm na primeira linha e um espaço entre um parágrafo e outro.

III – Notas 
As notas devem ser devidamente numeradas, sobrescrito e indicadas após a palavra a qual se refere, devendo o texto explicativo constar ao pé da página.

IV- Tabelas e Ilustrações
Devem ser encaminhadas em arquivos separados. Na cópia impressa, deverá ser indicado, com destaque, o local a serem inseridas.
As Tabelas e Quadros devem seguir as normas da ABNT. Devem ser numerados.
As figuras devem ser numeradas, apresentar título e fonte.

V – Referências Bibliográficas
Devem seguir os padrões estabelecidos pela ABNT.

VI – Responsabilidades
É responsabilidade do autor a correção ortográfica e sintática, bem como a revisão de digitação do texto, que será publicado conforme o original recebido pela editoração.
O conteúdo dos textos assinados é de exclusiva responsabilidade dos autores.

VII – Procedimentos de arbitragem
A Revista Eletrônica Observare – REO adota o procedimento de avaliação, mantendo o sigilo do autor aos parecerista, em triplo cego, podendo resultar em três situações: aprovação – publicação conforme apresentado; diligência – publicação após revisão e recusa. O resultado da avaliação é sempre comunicado ao autor, com transcrição da apreciação feita pelo parecerista. Nos casos de diligência o texto reformulado é reencaminhado ao mesmo parecerista.

COMISSÃO EDITORIAL

  • Prof. Doutor Carlos Alberto da Costa Gomes – Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Regional e Urbano – PPDRU – Universidade Salvador – UNIFACS;
  • Prof. Doutor Carlos Geraldo D’Andrea Espinheira – Centro de Recursos Humanos – CRH – Universidade Federal da Bahia – UFBA;
  • Profa. Doutora Élvia Mirian Cavalcanti Fadul – Programa de Pós-Graduação em Administração – PPGA – Universidade Salvador – UNIFACS;
  • Profa. Doutora Ivone Freire Costa – Núcleo De Pós-Graduação Em Administração – NPGA – Universidade Federal da Bahia – UFBA;
  • Prof. Msc João Apolinário da Silva – Polícia Militar da Bahia – PMBA;

EQUIPE E EXPEDIENTE

Editor

Prof.Doutor Carlos Alberto da Costa Gomes – Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Desenvolvimento Regional e Urbano.

Vice-Editor

Prof. Msc João Apolinário da Silva – Polícia Militar da Bahia

Organização e editoração eletrônica

Alberto Leal da Paixão

Talita da Silva Lima

 

Rua Dr. José Peroba, 251, STIEP- Salvador- Bahia. CEP: Cep 41.770-235

Tel: (71) 3271-8870

observare@ospba.org

 

Ficha Catalográfica elaborada pelo Sistema de Bibliotecas da Universidade Salvador – UNIFACS

______________________________________________________________________________

OBSERVARE: Revista Interdisciplinar de Segurança Pública do Território [recurso eletrônico] – Vol.2, (jul./dez. 2007) –  Salvador : Universidade Salvador – UNIFACS. Observatório Interdisciplinar de Segurança Pública do Território , 2007.

Semestral

ISSN 1981-1780

1. Ciências sociais – periódicos. 2. Segurança Pública – periódicos. I. Título.

CDD: 300.5

______________________________________________________________________________